REDE CPLPAV

Notícias

21-10-2016
NOSSA LÍNGUA: Bissau D’Isabel



Esta semana o Programa NOSSA LÍNGUA encerra a transmissão da cartela de documentários de Guiné-Bissau com "Bissau D’Isabel", de Sana Na N’Hada.

 A Guiné-Bissau foi a primeira colônia no continente africano a ter a independência reconhecida por Portugal em 1974. Um histórico de instabilidade política desde então fez com que nenhum presidente eleito conseguisse completar com sucesso um mandato de cinco anos. Isso gerou um quadro de enormes dificuldades, atraso e subdesenvolvimento. O produto interno bruto per capita do país é um dos mais baixos do mundo. Bissau é a capital da Guiné onde se aglutina e funde o mosaico étnico-cultural do país. Mais de 21 etnias com culturas e línguas por vezes totalmente distintas.  Quase metade da população fala kriol, uma língua crioula baseada no português, enquanto o restante dos habitantes fala uma variedade de línguas africanas nativas.

É seguindo o cotidiano de Isabel Nabalí Nhaga que o documentário nos leva a conhecer Bissau e sua realidade de imensas dificuldades, traçando um contundente painel sobre a vida nesta cidade efervescente e ruidosa onde as pessoas, especialmente as mulheres, se reinventam e se desdobram para encontrar possíveis formas de sobreviver.

Isabel começou sua carreira como auxiliar de enfermagem durante a luta armada de libertação nacional e foi posteriormente enviada a Cuba, para ser formada como enfermeira instrumentista. Atualmente trabalha no Bloco Operatório dos Cuidados Intensivos no Hospital Nacional Simão Mendes em Bissau.  É casada, mãe de sete filhos, cinco rapazes e duas moças. A mais velha já é formada em agronomia e os demais estão a estudar. O marido trabalha numa organização não governamental de conscientização sobre educação sexual e as doenças sexualmente transmissíveis. Ela se desdobra entre o trabalho no hospital e o cultivo de hortaliças e frutos que produz com o marido e os filhos numa horta no terreno onde residem no subúrbio da capital. A família trabalha e se mantém unida pela mão firme e segura de Isabel,  personagem deste filme e pretexto para desvendar esta cidade em ebulição onde germinam os fundamentos da identidade cultural Guineense e uma vontade imbatível de futuro. 

 

Título: BISSAU D’ISABEL

País: Guiné-Bissau

Duração: 52’:53’’

Ano 2005

Direção: Sana Na N’Hada

Produção: Luiz Correia – LXFilmes/Zoom Comunicação



O PROGRAMA NOSSA LÍNGUA

 

O Programa Nossa Língua, parte integrante do Programa CPLP Audiovisual, constitui iniciativa estratégica de colaboração entre as emissoras públicas de televisão dos estados membros da CPLP para a composição de uma faixa comum de programação a ser difundida simultaneamente nos diversos territórios nacionais, composta por documentários capazes de oferecer ao público telespectador uma visão contemporânea da diversidade cultural, social e política do mundo de língua portuguesa.


Os Polos da Rede CPLP Audiovisual selecionaram uma carteira de títulos para a ilustração das respectivas realidades nacionais para serem exibidos nas emissoras públicas dos estados membros da CPLP. Com isso, foi criada uma faixa semanal de programação, com duração aproximada de 60 minutos, que será exibida ao longo de 28 semanas, entre o segundo semestre de 2016 e o primeiro trimestre de 2017.

 

A programação NOSSA LÍNGUA servirá também como instrumento de formação de plateias/audiências nas emissoras públicas para a programação inédita que irá ao ar em 2017, resultante das produções selecionadas e produzidas pelos Concursos Nacionais do DOCTV CPLP II e do FICTV CPLP I que completam o conjunto de ações do Programa CPLP Audiovisual.